5 séries sobre feminismo e empoderamento disponíveis no Netflix.

Equidade social, política e econômica entre gêneros. Estamos falando sobre feminismo. E mais importante do que definir o movimento, é exercê-lo e incentivar outras pessoas  a praticarem ações que nos tornem cada vez mais próximos de uma sociedade justa. 


Você já parou para pensar sobre a influência do entretenimento no mundo, principalmente no que se diz respeito à formação de opiniões? Pois é. Ele tem sido um grande aliado na propagação do movimento e nós estamos aqui para shippar esse relacionamento entre uma coisinha que amamos: série e outra coisa que precisamos: empoderamento feminino


Quer assistir Netflix como uma garota? Vem com a gente! 


1. How to get away with murder? 


Encontrada também pelo nome "Como se defender de um assassino?", a série tem Viola Davis como protagonista, ela interpreta uma advogada muito bem sucedida que chegou para mostrar o quanto mulheres podem ser incríveis dentro do mercado de trabalho. Ainda tem uma pitada de representatividade negra. O resto a gente deixa para você assistir :)



2. Coisa mais linda 


Vamos enaltecer as produções nacionais e conhecer essa série que se passa na década de 1960 - período marcado por repressões, lutas e muitas mudanças culturais no cenário brasileiro. A história é marcada por feministas que passaram por bons pedaços até começarem a atingir os próprios sonhos e o respeito que mereciam. 




3. Good girls 


Com muito humor, 3 mães encontram uma forma meio atípica de lidar com os problemas familiares e financeiros que estavam vivenciando. Elas planejam e executam um assalto a um supermercado e depois acabam se envolvendo em ações ainda maiores. 


Apesar do humor nas entrelinhas, os problemas das protagonistas são seríssimos e as falas nos levam a refletir sobre a importância de quebrar alguns padrões criados com base no senso comum, graças a falta de compreensão sobre a verdadeira capacidade das mulheres em serem e fazerem o que quiserem. 


"As meninas hoje podem ser tudo." 




4. Scandal 


Produzida por Shonda Rhimes, a série mostra uma grande realidade: O mundo está cheio de pessoas diferentes: jeitos diferentes, etnias diferentes, visões de mundo diferentes e vale a pena contar a história delas também! A protagonista é uma mulher afro-americana interpretada por nada mais, nada menos que Kerry Washignton. A personagem dedica sua vida em prol da imagem pública da elite da nação em Washigton DC. 





5. Anne with an "e" 


Inspirada em um livro chamado Anne de Green Gables, escrito por Montgomery em 1908, a série conta a história de uma jovem que foi adotada por um casal de irmãos solteiros na Ilha de Príncipe Eduardo, no Canadá. Com seu jeito único, a menina transformou a vida dos irmãos e de todo vilarejo. As cenas trazem paisagens lindas do ambiente rural e além da história emocionante, essa garotinha também vem para levantar reflexões sobre feminismo, racismo e outras questões sociais. 



Gostou?! Agora não tem mais desculpa, hein? Você pode assistir séries online e aprender um pouco mais sobre o conceito e a prática do feminismo. 

GIRL PWR!